Bloggers Bleggers Blum!

Tem dias que eu tô bloggers daí aparece uns bleggers e eu fico blum mesmo!

Por que o brasileiro anda tão violento?




Não consigo entender a onda de violência que anda tomando conta da população brasileira.

De alguns anos pra cá parece que tudo se resolve na grosseria, na pancadaria. Violência sempre existiu, mas já faz algum tempo que ela vez se agravando, e pior, atingindo faixas etárias cada vez menores, independente da classe social. O trem deu problema? Vamos linchar o maquinista. Levou uma fechada no trânsito? Se buzinar, leva chumbo. Os pais não deixaram andar com aquela má companhia, mate os pais.

Se as manifestações em geral pelo País propiciaram os ataques dos black blocks, os maus hábitos criados durante esses eventos transcenderam as ruas para ganhar espaço nos shoppings, com os tais rolezinhos. Nem nesse tipo de lugar, que costumava ser um dos poucos lugares seguros para o lazer da juventude paulistana, está à salvo da raiva incontrolável dessa geração que não possui limites, cujos pais preferem bancar as roupas de marca, ao invés de comprarem casa própria.

Então eu me pergunto: por que esse povo anda tão raivoso e violento? A grande maioria é sustentada pelos pais, mora até depois dos 30 na casa deles, não tem emprego, mas também não quer arrumar um que pague pelo menos o suficiente para os gastos básicos, reclama da saúde, mas não usa SUS, reclama do transporte, mas não usa ônibus nem metrô, viajam todo ano pro exterior, usam e abusam do direito de expressão na internet… Então qual será o problema? TUDO não é suficiente? Não sabe valorizar o que tem? Falta atenção dos pais, que preferem dar de tudo ao invés de educar? Descontentamento com o Governo? Como pode ser isso, se nas pesquisas preliminares já indicam que a Dilma e o digníssimo PT vão conseguir se reeleger?

O presente do Brasil vive um momento delicado que desemboca num futuro perigoso para o País. As futuras gerações não sabem o que querem, não sabem sequer como descobrir o que querem. E não têm vontade de descobrir. Gostam apenas de existir, de viver o presente, de estar nas redes sociais e só. Não possuem perspectivas, pois para eles o futuro é algo muito distante. Com isso se deixam manipular cada vez mais pelos interesses políticos, afundando ainda mais qualquer chance de real prosperidade do Brasil. Sim, porque não basta estabilidade sócio-econômica: uma população sem objetivos vaga à esmo pelo tempo, patinando no crescimento pessoal, fundamental para todos os demais crescimentos que cercam a vida do ser humano. Com isso têm-se uma falsa prosperidade, vive-se numa bolha completamente isolada da realidade. E sabemos muito bem o que acontece quando essa bolha estoura: vide os EUA, que atrasaram o mundo, gerando crises e mais crises.

Enquanto os verdadeiros valores familiares não voltarem à tona, vamos continuar correndo atrás do próprio rabo. Andar em círculos parece ser uma predileção do brasileiro.

RSS 2.0 | Trackback | Comentar

Comentarios desabilitados.